Hoje a Doutor Resolve vai repassar mais uma matéria muito importante sobre melhores práticas em impermeabilização. No início do mês de maio a revista Equipe de Obra fez uma matéria bem bacana, as falhas no uso de impermeabilizantes em áreas molhadas e secas, paredes externas ou lajes são as principais causas de manchas de umidade. Saiba como aplicar corretamente revestimentos poliméricos.

Manchas nos rodapés são comuns em casas cujo contra piso é feito diretamente sobre o solo. Isso ocorre pela ausência de um tratamento específico da fundação para isolar a estrutura da umidade vinda do chão por capilaridade. O ideal é sempre executar a vedação durante a construção. Mas, caso isso não tenha sido feito ou tenha sido realizado com falhas na aplicação dos produtos, saiba que é possível sim remediar a situação.

Antes de iniciar o processo de aplicação de qualquer impermeabilizante, é fundamental informar-se sobre o passo a passo de aplicação e preparo dos produtos. Os principais fabricantes disponibilizam nas embalagens e em diversos canais (sites, portais, aplicativos e YouTube) vídeos tutoriais de aplicação. Informar-se corretamente sobre o preparo das superfícies é fundamental para o sucesso da operação. Conheça o método de aplicação oferecido pela Denver Impermeabilizantes, cedido pela coordenadora técnica da marca Elizangela Struliuc. “É essencial assegurar-se da informação correta sobre o método de aplicação antes de utilizar qualquer impermeabilizante”, alerta a profissional.

UMIDADE DE RODAPÉ

O produto:

Para este tipo de problema, recorre-se à argamassa polimérica impermeável à base de cimento e acrílico de alta aderência e fácil aplicação. Pode ser aplicado nas mais diversas superfícies como: concreto, alvenaria e argamassa.

Principais usos:

Impermeabilização de áreas frias como banheiros, cozinhas, áreas de serviço, caixas d’água, tanques, rodapés e paredes em subsolos. Pode ser utilizado como camada base impermeável, nos sistemas de pintura imobiliária de paredes externas.

Passo a passo

  1. Remova o reboco de toda a área úmida, numa altura mínima de 50 cm. Limpe regularize a superfície.
  2. Aplique duas a quatro demãos cruzadas do produto usando trincha ou broxa, respeitando o tempo de secagem entre demãos.
  3. Refaça o reboco e o acabamento.

PROTEÇÃO DE FACHADAS

O produto:

Impermeabilizante flexível, mono componente, para aplicação a frio e moldagem no local, formulado a partir de asfalto emulsionado modificado com elastômeros.

Principais usos:

Coberturas em geral, lajes, marquises, terraços, calhas e áreas frias, tais como banheiros, cozinhas, paredes em gesso acartonado (drywall), arremates de rodapés, ralos, tubos, baldrames etc.

Passo a passo

  1. Limpe regularize a superfície. Aplique a primeira demão do produto diluída em 10% a 30% com água.
  2. Aplique duas ou mais demãos. Incorpore uma tela de poliéster entre a primeira e a segunda demão.
  3. Aguarde a secagem (4 a 6 horas) e execute a proteção mecânica.

PROTEÇÃO DE FACHADAS

O produto:

Pintura impermeabilizante elástica à base de polímero acrílico, fornecido mono componente e pronta para uso.

Principais usos:

Impermeabilização contrabatida de chuva em fachadas e paredes externas, sobre revestimento de argamassa ou concreto.

Passo a passo

  1. Limpe regularize a superfície.
  2. Aplique a primeira demão do impermeabilizante diluída em 10% de água.
  3. Aguarde o intervalo indicado na embalagem e aplique duas ou mais demãos do produto puro para acabamento final.

Fique sempre de olho em nosso site e não perca as nossas dicas semanais.

Link de acesso: http://piniweb.pini.com.br

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *